Tutoriais

Workspace: Exportar os dados da sua organização

Os superadministradores podem exportar os dados dos usuários da organização para um arquivo do Google Cloud. É possível exportar a maioria dos dados do Google Workspace. No entanto, os dados do usuário excluídos não podem ser exportados, a menos que estejam sujeitos às políticas de retenção do Google Vault.

Se você preferir que os usuários façam o download dos próprios dados, direcione-os para Como fazer o download dos seus dados do Google. Verifique se o Google Takeout está ativado.

Importante: não é possível exportar alguns tipos de dados com a ferramenta de exportação de dados. Veja a lista de tipos de dados não compatíveis antes de iniciar uma exportação.

Requisitos

Estes são os requisitos para exportar os dados da sua organização:

  • É preciso ter uma conta no seu domínio por um período de 30 dias ou mais (caso ele tenha sido criado há mais de 30 dias).
  • Você precisa ser um superadministrador do seu domínio dos Serviços do Google.
  • verificação em duas etapas precisa estar ativada na sua conta. A aplicação da verificação não é obrigatória. Ela é necessária apenas para o administrador que faz a exportação. Saiba como conferir se a verificação está ativada na sua conta.
    Dica: se você precisar ativar a verificação em duas etapas, mas não quiser fazer isso para todos os usuários na sua unidade organizacional, primeiro crie uma unidade organizacional filha. Em seguida, mova sua conta para essa unidade organizacional e ative a verificação.
  • Sua Conta do Google pode ter no máximo mil usuários. Se você tiver mais de mil usuários, entre em contato com o suporte para ativar a ferramenta temporariamente.

Antes de começar

  • A ferramenta não exporta dados de contas de usuário criadas até 24 horas antes do início da exportação.
  • Caso sua organização tenha mais de um superadministrador, todos os administradores vão receber um e-mail informando que uma exportação de dados está pendente, e a ferramenta vai começar a exportar dados 48 horas apóso início do processo de exportação. Esse período de espera ajuda a garantir a segurança dos dados da sua organização.
  • Caso sua organização tenha apenas um superadministrador, o e-mail de notificação sobre a exportação não vai ser enviado.
  • Caso sua Conta do Google perca os privilégios de superadministrador durante uma exportação, esse processo vai ser cancelado automaticamente. Nenhum dado vai ser exportado, e os outros superadministradores vão receber uma notificação por e-mail informando que a exportação não foi finalizada.

Exportar os dados dos seus usuários

  1. Sua conta deve ser uma conta de superadministrador para ter permissão para realizar estas etapas. Também é possível solicitar que outro superadministrador de sua organização realize estas etapas para você.
  2. Na página inicial do Admin Console, clique em"". Em Ferramentas, selecione Exportação de dados.
  3. Clique em Iniciar a exportação.

Ela geralmente leva 72 horas, mas pode ser finalizada em até 14 dias dependendo da quantidade de dados. Você vai receber uma notificação por e-mail quando o processo terminar. Só o administrador que iniciou a exportação vai receber uma notificação por e-mail, mas todos os superadministradores vão poder ver a exportação.

Confira se há erros na sua exportação: o e-mail de notificação inclui um link para o relatório, que mostra todos os erros de exportação, ou seja, os dados que não foram exportados.

Se houver erros de exportação, tente novamente. Nesta página, veja mais detalhes em Corrigir erros em uma exportação.

Além disso, a página “Exportação de dados” do Admin Console vai mostrar um dos seguintes indicadores de status do arquivo de exportação:

  • Com falha: nenhum dado foi exportado.
  • Concluído com erros: faltam alguns dados no arquivo.
  • Concluído: todos os dados foram exportados.

Corrigir erros em uma exportação

Se faltarem dados na exportação, eles vão ser listados no relatório de exportação como um erro. Além disso, a página “Exportação de dados” do Admin Console vai mostrar o indicador de status Concluído com erros para a exportação.

Observação: se você tentar corrigir os erros, a ferramenta de exportação de dados vai iniciar outro processo para exportar apenas os dados ausentes.

Para corrigir os erros

  1. Sua conta deve ser uma conta de superadministrador para ter permissão para realizar estas etapas. Também é possível solicitar que outro superadministrador de sua organização realize estas etapas para você.
  2. Na página inicial do Admin Console, clique em"". Em Ferramentas, selecione Exportação de dados.
  3. Clique em Iniciar correção.

Você receberá uma notificação por e-mail quando o processo de correção terminar.

Um novo arquivo com os dados corrigidos é criado. Se ainda houver erros de exportação (dados ausentes) após o processo de correção, siga as etapas acima para fazer uma nova exportação. Você poderá continuar corrigindo os arquivos até exportar todos os dados.

Se você precisar de ajuda para acessar arquivos que não foram exportados, entre em contato com o nosso suporte. O limite de tempo de exportação vai ser redefinido para você iniciar outra exportação completa sem precisar esperar 30 dias.

O que está incluído em um arquivo corrigido

Um arquivo corrigido pode incluir o seguinte:

  • Dados ausentes devido a um erro temporário, como uma imagem não incluída em um arquivo durante o processamento da exportação
  • Dados aos quais um usuário perdeu o acesso entre as tentativas de exportação de um administrador, por exemplo, porque ocorreu o downgrade de uma licença

Um arquivo corrigido não inclui o seguinte:

  • Dados ausentes devido a uma falha permanente, por exemplo, o usuário excluiu ou alterou a propriedade de um arquivo antes do início da exportação ou entre as tentativas de exportação
  • Dados exportados anteriormente com a seguinte exceção: se o item tiver sido exportado parcialmente, por exemplo, sem uma imagem ou um comentário, a ferramenta de exportação de dados vai tentar exportar o item completo novamente

Ver dados exportados

  1. No e-mail de confirmação ou na ferramenta de exportação de dados, clique em Acessar o arquivo.
    Observação: só o administrador que iniciou a exportação recebe uma notificação por e-mail, mas todos os superadministradores podem acessar a exportação.
  2. No arquivo do Google Cloud Storage, clique na pasta raiz para ver uma lista de pastas de usuário. Cada uma delas contém um arquivo Zip com os dados do usuário.
  3. Clique no arquivo ZIP para fazer o download dos dados do usuário.
  4. Descompacte o arquivo para ver os dados de cada usuário por produto. Os dados exportados ficam disponíveis por 30 dias e depois são excluídos permanentemente.

Clique no arquivo ZIP para fazer o download dos dados de um usuário e descompacte o arquivo para ver os dados de cada usuário por serviço, como Gmail, Drive etc. Os dados exportados ficam disponíveis por 30 dias e depois são excluídos permanentemente.

Observação: alguns dados, como os arquivos nos drives compartilhados, pertencem a uma conta de serviço, não a um usuário. No arquivo de exportação, as contas de serviço são chamadas de “recurso”.

Ver o relatório de exportação de dados

Na pasta raiz do seu arquivo de exportação de dados, você vai encontrar um relatório com o status da exportação. Você pode abrir o relatório em um navegador da Web.

Se ocorrerem erros de exportação, o relatório vai incluir os seguintes detalhes:

  • ID do usuário/serviço: nome do usuário de uma conta de usuário, nome do grupo ou ID da conta de serviço em que houve falhas na exportação. As contas são exibidas em ordem alfabética.
  • Tipo de conta: pode ser um dos tipos abaixo.
    • Usuário
    • Grupo
    • Dados dos clientes: arquivos que pertencem à sua organização, e não aos usuários.Observação: o relatório mostra alguns tipos específicos de dados do cliente, como drives compartilhados. Eles estão listados como “Recurso”.
    • Conta de serviço: conta criada automaticamente para dados sem um proprietário, como o conteúdo do Google Jamboard.
  • Arquivo: links para documentos arquivados com conteúdo do usuário ou da conta de serviço.
  • Resumo de falha: o número de arquivos exportados e de arquivos não exportados. Para ver uma lista dos arquivos que não foram exportados, clique na seta à esquerda do resumo de falha.

Exemplo de relatório com erros de exportação

Este é um exemplo de relatório de dados.